Para o topo

página inicial » eventos »

Parque Curupira recebe Festival Cultivar neste sábado

publicado em: 28/09/2015 - 18:26
atualizado em: 29/09/2015 - 13:38

Parque Curupira recebe Festival Cultivar neste sábado

Por Analídia Ferri
​Fotos: Divulgação

O parque Curupira recebe neste sábado (3/10), mais uma edição do Festival Cultivar que, neste ano, promoverá atividades para a valorização do cerrado. Além de conhecer novas espécies, os participantes poderão fazer o plantio de árvores nativas no local. A atividade é gratuita e acontece em dois turnos: das 9h às 11h e das 16h às 18h.

Monitores do Cultivar abordarão também a importância do cerrado para a biodiversidade brasileira, suas fisionomias, paisagens e características. Embora a vegetação original predominante de Ribeirão Preto seja a mata Atlântica, o município apresenta áreas com características de cerrado.

O cerrado é um dos biomas mais peculiares do planeta, abrigando 5% de todas as espécies conhecidas no mundo. No Brasil, o cerrado é uma das mais importantes fontes de água, dependendo dele a recarga de grandes aquíferos e de seis das oito maiores bacias hidrográficas nacionais: Amazônica, do Tocantins, do Atlântico Norte/Nordeste, do São Francisco, do Atlântico Leste e do Paraná/Paraguai.

PRÓXIMO POST »
Semana do Bebê será realizada pela primeira vez em Ribeirão Preto
« POST ANTERIOR
Festitália chega a sua 10ª edição em agosto

Você poderá gostar também!

 

Empoderamento feminino é tema de programação especial no Sesc

22.02.2016 - 15:48

Shows, intervenções, oficinas e palestras acontecem no mês de março em Ribeirão.

Os melhores eventos para curtir o fim de semana em Ribeirão

12.11.2015 - 10:42

Saiba quais são as atrações deste sábado e domingo na cidade

Projeto interativo Experimentando Diferenças simula esportes adaptados

14.07.2015 - 17:23

Espaço de 130 m² terá futebol com venda, basquete com cadeira de rodas e outras atividades gratuitas.

 

 

Comente aqui:

Varal Diverso © 2011–2017. Todos os direitos reservados | Termos de uso | Design: Paulo Gallo