Para o topo

Projeto Alma quer profissionalizar jovens artistas em Ribeirão

Projeto Alma quer profissionalizar jovens artistas em Ribeirão
, em 24/07/2014, às 19:27 (atualizado em 29/01/2015, às 23:31)
As aulas do projeto Alma serão realizadas no Centro Cultural Palace, ao lado do Thatro Pedro II

Por Francine Micheli
Foto: Paulo Gallo

Crianças e adolescentes que querem se aprofundar na história da arte e na música erudita irão ganhar uma mãozinha da Fundação Dom Pedro II. Recentemente, a entidade lançou a Academia Livre de Música e Artes (Alma), um projeto único em Ribeirão Preto que vai oferecer aulas de instrumentos, canto e artes dramáticas — tudo gratuito.

O objetivo da iniciativa, não é, entanto, simplesmente apresentar o mundo da música aos participantes, tanto que este não será um curso voltado a leigos. A ideia é promover um curso de imersão em artes e encaminhar os jovens à profissionalização, com oferecimento das bolsas para alunos que já se destacam em outros projetos sociais de música.

“As bolsas funcionarão como um investimento direto na profissionalização do aluno, através de um curso pré-universitário de alto nível acadêmico, que oferecerá todas as disciplinas necessárias para a formação artística de um profissional da música”, explica o coordenador pedagógico da Academia, Lucas Galon.

Já a idealizadora do projeto e presidente da Fundação Dom Pedro II, Dulce Neves, acredita que esse será um caminho de estimular a vida acadêmica na área das artes e, consequentemente, uma maior oferta de profissionais qualificados para serem absorvidos por orquestras, bandas profissionais, universidades e conservatórios. “O projeto nasceu da percepção de que há vários projetos sociais, de formação de base e, na outra ponta, estão as universidades, as orquestras, os corpos de baile etc. Os projetos de base abrem o caminho, atraem e descobrem talentos. E nas universidades, por exemplo, sobram vagas”, diz.

Como vai funcionar

A princípio, serão oferecidas:

  • 50 vagas para jovens músicos já iniciados, com idade de 13 a 18 anos;
  • 5 vagas para jovens de 18 a 21 anos, que já tocam ou cantam;
  • 5 vagas para crianças entre 7 e 13 anos que já estejam em nível avançado de música.

As bolsas serão distribuídas mediante testes realizados no Theatro Pedro II, com avaliação de uma banca de profissionais. A primeira etapa, que começa em agosto, oferecerá aulas de canto, violino, viola, violoncelo e contrabaixo. A segunda etapa se iniciará em fevereiro de 2015 e incluirá aulas de teatro, artes dramáticas, percussão, madeiras e metais.

As aulas acontecerão no Centro Cultural Palace (rua Duque de Caxias, 322) e, após um ano de Alma, será formada uma orquestra jovem, dois grupos de câmara e um coral jovem.

Inscrições

As inscrições são gratuitas e poderão ser feitas até o dia  5 de agosto, pelo site da Fundação Dom Pedro IIOs inscritos aprovados serão convidados para testes que acontecerão entre 11 a 15 de agosto, sendo que as aulas começam dia 18 de agosto. Os inscritos serão informados por e-mail ou telefone sobre dia e horário do seu teste.

Mais informações podem ser obtidas por e-mail academialivredemusicaeartes@gmail.com ou pelo telefone (16) 3977-8111.

Compartilhe:

PRÓXIMO POST »
12 cursos para você melhorar sua performance na cozinha
« POST ANTERIOR
Oficina Candido Portinari abre inscrições para várias atividades

Você poderá gostar também!

 

Cia. Minaz abre temporada de testes para novos coralistas

22.01.2016 - 05:36

Inscrições podem ser feitas até o dia 16 de fevereiro.

Filósofo Mario Sergio Cortella faz palestra em Ribeirão Preto

14.11.2014 - 16:20

O escritor, professor e ex-aluno de Paulo Freire fala ao público dia 18 de novembro, no Centro de Eventos do Ribeirão Shopping. Palestra é gratuita!

Black Mirror é tema de bate-papo no Sesc Ribeirão Preto

02.05.2017 - 10:45

Especialista falará sobre impacto das tecnologias na sociedade em evento gratuito

 

VOLTAR

 

Comente aqui:
Agenda Cultural
Instagram
Instagram

Varal Diverso © 2011–2017. Todos os direitos reservados | Termos de uso | Design: Paulo Gallo