acompanhe:
Perfil no facebook
Perfil no twitter
Varal no Instagram
Varal no Youtube
Entre em contato com a gente
Nosso feed RSS
Para o topo

página inicial » cultura »

Programação cultural em Ribeirão Preto se debruça sobre o amor

publicado em: 02/01/2015 - 15:17
atualizado em: 01/02/2015 - 16:16

Programação cultural em Ribeirão Preto se debruça sobre o amor
O escritor Xico Sá participa de um bate-papo no dia 5 de fevereiro (Foto: Daniel Marenco / Divulgação)

Por Francine Micheli
Fotos: Divulgação

Será que o amor, como o conhecemos, está se transformando em algo mais amplo e múltiplo? Questões como essa norteiam a programação intensa que foi preparada para o projeto Amor Diverso, do Sesc Ribeirão Preto. Entre 7 de janeiro e 28 de fevereiro, acontecerão espetáculos, exibições de filmes, bate-papos, exposições, shows e intervenções que vão discutir o significado do ato de amar nos dias de hoje.

Atrações de peso

No início de janeiro, a programação de debates traz nomes de peso como Xico Sá, Márcia Tiburi e Fabrício Carpinejar. No final do mês, o espetáculo “As canções que você dançou pra mim” será apresentado pela Focus Cia. de Dança, do Rio de Janeiro.

Uma das atrações mais curiosas do festival é a performance “Paixão”, do Grupo Sensus, de São Paulo. Durante a apresentação, a plateia é vendada para ouvir leituras de poemas de Florbela Espanca, Hilda Hilst, Fernando Pessoa, Maiakovski e outros escritores. A experiência promete ser inesquecível com outras surpresas.

Já o espetáculo “A maré” será realizado dentro de um apartamento no centro da cidade, onde o público é convidado a entrar e a conhecer diferentes sentimentos, trabalhados em cada um dos cômodos.

As exibições de filmes serão todas gratuitas e trarão longas-metragens que falam de amor sob diferentes pontos de vista. Entre os escolhidos estão Her, o polêmico Azul é a cor mais quente, Vou rifar meu coração e Poliamor e Juntos para sempre.

Sesc Ribeirão Preto fica na rua Tibiriçá, 50 (Centro), e a unidade funciona de terça a sexta, das 13h30 às 21h30; e aos sábados, domingos e feriados, das 10h às 18h. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (16) 3977-4477.

Confira a programação completa:

Literatura

Os bate-papos acontecem no Auditório da unidade, e são gratuitos.

Bate-papo: Márcia Tiburi
15 de janeiro (quinta), às 20h30

A escritora e filósofa debate sobre o tema "Amor: uma reflexão sobre uma emoção essencial".

Bate-papo: Fabrício Carpinejar
29 de janeiro (quinta), às 20h30

O poeta, cronista e jornalista debate sobre “A felicidade da insistência em tempo de separações líquidas”.

Bate-papo: Xico Sá
5 de fevereiro (quinta), às 20h30

O jornalista e escritor comenta sobre o tema "O macho perdido e a fêmea que se acha".


O escritor Fabrício Carpinejar participa de um bate-papo no dia 29 de janeiro

Teatro

Espetáculo: “A Maré”
Com o grupo Teatro d’A Maré (Ribeirão Preto)

Ao ocupar um apartamento emprestado, os atores tornam-se anfitriões para o público visitante, instalando em cada cômodo um jogo de realidades e afetações.

7 e 8 de janeiro (quarta e quinta), às 19h e às 21h
10 de janeiro (sábado), às 15h e às 17h

Local: Apartamento de Zezé e Álvaro Cherubini (rua Álvares Cabral, 1.152 – Centro)
15 lugares, gratuito (retirada de senhas a partir de 30 minutos antes da apresentação no ponto de encontro)

Intervenção: “Paredes externas”
Com Mariana Quintão e Gabriel Delfino Marques. Direção e dramaturgia: Pierre Santos

Intervenção urbana que une teatro, audiovisual, dança, música, arquitetura cênica e arte urbana. Através de paredes transparentes o espectador acompanha a história de amor dos personagens Rita e Rodrigo, um casal em conflito.

14 de janeiro, às 20h30
Galpão de Eventos. Gratuito
*Retirar ingressos com 1h de antecedência na bilheteria do unidade

Espetáculo: “Só entre nós”
Com Marcia Nemer-Jentzsch, Tiago Martelli, Ricardo Henrique. Autor: Franz Keppler. Direção: Joca Andreazza

Um professor de música, seu aluno e uma fotógrafa se envolvem em um triângulo amoroso. A peça trata da solidão urbana, da relação com o tempo e, principalmente, do amor, mostrando que ele não pertence a quem o sente, e sim a quem é amado.

21 de janeiro (quarta), às 20h30
Galpão de Eventos. Ingressos: R$ 5 (usuários matriculados), R$ 8,50 (aposentados, pessoa com deficiência, estudante e servidor da escola pública com comprovante), e R$ 17 (inteira)

Espetáculo: “Arrufos”
Grupo XIX de Teatro – São Paulo

Em cena, histórias de amor de diferentes séculos. Misturam-se os tempos para que o espectador veja como surgiu o ideário do amor romântico e a quem serve essa construção.

23 de janeiro (sexta), às 19h e 21h30
No Teatro Minaz (rua Carlos Chagas, 273 – Jardim Paulista)

Ingressos: R$ 5 (usuários matriculados), R$ 8,50 (aposentados, pessoa com deficiência, estudante e servidor da escola pública com comprovante), e R$ 17 (inteira)

Espetáculo: “4 Estações ou Encontros e Desencontros”
Com Gabriela Veiga e Vinícius Piedade 

Quatro histórias diferentes, mas com alguns pontos de contato. 

4 de fevereiro (quarta), às 20h30
Galpão de Eventos. Ingressos: R$ 5 (usuários matriculados), R$ 8,50 (aposentados, pessoa com deficiência, estudante e servidor da escola pública com comprovante), e R$ 17 (inteira)

Espetáculo “Aqueles Dois”
Com Cia. Luna Lunera (Belo Horizonte)

Texto criado a partir do conto homônimo de Caio Fernando Abreu a peça foi indicada ao Prêmio Shell São Paulo 2009 nas categorias direção, cenário e iluminação.

6 de fevereiro (sexta), às 20h30
Galpão de Eventos. Ingressos: R$ 5 (usuários matriculados), R$ 8,50 (aposentados, pessoa com deficiência, estudante e servidor da escola pública com comprovante), e R$ 17 (inteira)

Dança

Espetáculo: “As canções que você dançou pra mim”
Com a Focus Cia. de Dança (Rio de Janeiro)

O espetáculo coloca em cena quatro casais que são embalados por um pot-pourri com 72 canções interpretadas por Roberto Carlos. 

30 de janeiro (sexta), às 20h30
Galpão de Eventos. Ingressos: R$ 5 (usuários matriculados), R$ 8,50 (aposentados, pessoa com deficiência, estudante e servidor da escola pública com comprovante), e R$ 17 (inteira)


Cena do espetáculo "As canções que você dançou pra mim", da Focus Cia. de Dança

Exposição

“Beija-me”
Cia. Excessos

Expressão no imperativo que solicita um gesto de carinho do espectador. Beija-me mostra resquícios de ações artísticas, exibe expansões de performances em diferentes suportes, os quais afirmam duas ideias contrárias: o efêmero e o eterno, ao mesmo tempo que, em tom de pedido (ou de ordem), espera o beijo de consentimento do observador diante de obras que protestam em prol da diversidade. Componentes que associam signos do casamento são retomados com assiduidade nestas concepções da Cia. Excessos, e a realidade e a ficção transitam numa linha tênue na qual a arte é intrínseca à vida.

Abertura: 16 de janeiro (sexta), às 20h30
Visitação: Até 6 de março. Gratuito

Performance

Espetáculo: “Paixão”
Com o Grupo Sensus (São Paulo)

A plateia sentada e vendada escuta poemas e contos de amor e paixão de Florbela Espanca, Hilda Hilst, Fernando Pessoa, Maiakovski, entre muitos outros. Enquanto declamam, os atores aguçam dos participantes o olfato, o tato, o paladar, a audição. Cada espectador tem, assim, uma visão única da apresentação.

16 de janeiro (sexta), às 20h e às 21h15
Galpão de Eventos. Gratuito
*Retirar ingressos com 1h de antecedência na bilheteria do unidade

Videoperformance “Mapeando o Amor”
Com a Cia. Janela do Coletivo

Dois personagens munidos de câmera na mão percorrem três bairros de Ribeirão Preto colhendo registros de curtos momentos em que se estabelece o amor. 

16 de janeiro a 28 de feveiro
Área de Convivência. Gratuito

Exibição nos bairros em fevereiro:
• 12 de fevereiro – Campos Eliseos
• 19 de fevereiro – Vila Tibério
• 26 de fevereiro – Centro

Intervenção “Symbiosis”
Com Roberta Carvalho (Pará)

Trata-se de uma série de projeções digital videográfica em copas de árvores no espaço público da cidade, misturando intervenção urbana, fotografia, vídeo digital e instalação. As apresentações são gratuitas e livres para todos os públicos.

  • 27 de janeiro, às 20h: Praça dos Expedicionários Brasileiros (no Jardim Paulistano, próximo à rotatória da Castelo Branco)
  • 28 de janeiro, às 20h: Praça Romulo Morandi (rua Luiz Barreto x rua José de Alencar, Campos Elíseos)

*Em caso de chuva a intervenção acontecerá no Sesc!


A intervenção urbana "Symbiosis" fará projeções em árvores de Ribeirão Preto

Cinema

As exibições são gratuitas, mas é necessário retirar os convites com 1 hora de antecedência, na bilheteria da unidade.

“Ela” – Her (Direção: Spike Jonze. EUA, 2013)
11 de janeiro (domingo), às 15h. Galpão de eventos

“Azul é a cor mais quente” (Direção: Abdellatif Kechiche. França, 2013)
18 de janeiro (domingo), às 15h. Galpão de eventos

“Vou rifar meu coração” (Direção: Ana Rieper. Brasil, 2011)
25 de janeiro (domingo), às 15h. Galpão de eventos

“Poliamor” (Direção: José Agripino. Brasil, 2010)
“Juntos para sempre” (Direção: Pablo Solarz. Argentina, 2012)
1º de fevereiro (domingo), às 15h. Galpão de eventos

"Lunchbox" – Dabba (Direção: Ritesh Batra. Índia/França/Alemanha, 2014)
8 de fevereiro (domingo), às 15h. Galpão de eventos

"Deixe a luz acesa" (Direção: Ira Sachs. EUA, 2013)
22 de fevereiro (domingo), às 15h. Galpão de eventos

Música

Show: Aíla
"O amor é brega"

A cantora Aíla e a artista visual Roberta Carvalho, destaques do Pará contemporâneo, se uniram para tratar de amor e, juntas, apresentam o espetáculo multimídia “O amor é brega”. Enquanto Aíla passeia pelo romantismo da música brega, Roberta projeta o percurso visual dessa viagem. No repertório, clássicos como “Eu não sou cachorro não” (Waldick Soriano) e “Princesa” (Amado Batista) conduzem o público pela história do “amor demais”. 

22 de janeiro (quinta) às 20h30
Galpão de Eventos. Ingressos: R$ 5 (usuários matriculados), R$ 8,50 (aposentados, pessoa com deficiência, estudante e servidor da escola pública com comprovante), e R$ 17 (inteira)


A cantora paraense Aíla vai unir o romantismo da música brega com as projeções da artista visual
Roberta Carvalho, também do Pará (Foto: Christian Braga / Divulgação)

PRÓXIMO POST »
Ribeirão Preto volta a sediar a Virada Cultural Paulista
« POST ANTERIOR
Curupira recebe Festival Cultivar com palestras, expedições e cinema sobre Meio Ambiente

Você poderá gostar também!

 

Única miniferrovia do Brasil quer mais público em Ribeirão

12.05.2014 - 00:36

Na Lagoinha, trens em pequena escala vão e vem em uma estrutura igualzinha à uma ferrovia de verdade. Tudo é construído e mantido por um ex-metalúrgico há 12 anos

Chaves e Chapolin Colorado ganham coleção com itens de decoração

20.07.2016 - 17:58

Loja de departamento é a única com o licenciamento da série. Conheça os produtos!

Maestro João Carlos Martins rege, voluntariamente, a Sinfônica de Ribeirão em concerto de gala

03.07.2015 - 12:05

Iniciativa faz parte da campanha S.O.S. Orquestra, que receberá doações de empresas e do público para pagar dívidas.

 

 

Comente aqui:

 

 

 

Varal Diverso © 2011–2017 - Todos os direitos reservados. » Termos de uso