Para o topo

Maestro João Carlos Martins rege, voluntariamente, a Sinfônica de Ribeirão em concerto de gala

Maestro João Carlos Martins rege, voluntariamente, a Sinfônica de Ribeirão em concerto de gala
, em 03/07/2015, às 12:05 (atualizado em 03/07/2015, às 20:56)

Por Analídia Ferri
Fotos: Divulgação

Ainda no vermelho. A situação da Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto vem se agravando e, mesmo depois de quase um ano do relato que fizemos aqui, pouca coisa mudou. Músicos e estudantes estão há meses sem receber salários e criaram a campanha “S.O.S. Orquestra” para arrecadar recursos e contornar e crise. Uma das iniciativas é apoiada pelo maestro João Carlos Martins, que regerá a Sinfônica de Ribeirão, voluntariamente, no dia 21 de julho, em um concerto de gala. Os ingressos já estão à venda e custam de R$ 60 a R$ 200.

Com uma dívida que ultrapassa R$ 1,5 milhão, os 50 músicos — entre eles, violinistas, flautistas, trompetistas e outros profissionais da música — estão sem receber os salários há sete meses. Com a ajuda de estudantes da Fundace (Fundação para Pesquisa e Desenvolvimento da Administração, Contabilidade e Economia), da FEA-USP, lançaram, em junho, a campanha “S.O.S. Orquestra”, cujo objetivo é arrecadar recursos para a OSRP, instituição mantida pela Associação Musical, criada por músicos e voluntários e que depende de patrocinadores e programas de incentivo, como contamos no ano passado.

“Existem vários fatores que contribuíram para a dívida aumentar. Mas a diretoria mudou e agora as prioridades são outras. Fora isso, deixamos de receber repasses via leis de incentivo das esferas federal e estadual, além da prefeitura, que eram as nossas principais fontes de renda. Faltou também estratégia para contornar toda essa situação. Estamos sobrevivendo porque os músicos querem tocar e estamos fazendo o máximo para não desistir", explica uma das integrantes da OSRP, Michele Silva Picaço.

João Carlos Martins apoia

Solidarizado com a situação, o maestro João Carlos Martins se prontificou a ajudar e regerá um concerto com a Sinfônica de Ribeirão, voluntariamente, no dia 21 de julho, no Theatro Pedro II. A renda arrecadada com os ingressos vendidos será revertida para uma conta auditada pelo GPublic (Centro de Estudos em Gestão e Políticas Públicas Contemporâneas), vinculado à USP.

“O maestro nos atendeu prontamente para tocar sem cobrar. Ele é uma pessoa que atrai muito o público e todos se sensibilizam com a história de vida dele. É emocionante vê-lo no palco e esse concerto será muito importante para nós”, completa Michele.

Saiba como ajudar

A mesma conta também está disponível para doações de grandes investidores e da população em geral, de qualquer valor. Uma plataforma online também foi disponibilizada para doações, basta acessar este link.

“O entendimento do público sobre a OSRP precisa mudar. Primeiro porquê quem paga nosso salário não é a prefeitura. Nós somos uma entidade privada, mas isso não anula o fato de a prefeitura poder nos ajudar. Também não é responsabilidade da população nos manter, mas é uma escolha. Hoje, com a OSRP, o público não precisa ir até as capitais para assistir grandes concertos, nós estamos aqui, levando o nome da cidade e fazendo concertos de qualidade à disposição do público. Por isso, contamos com a ajuda de empresas e do público nesse momento”, finaliza.

Conta para depósito:
Banco do Brasil (001)
Depósito identificado: 2015
Agência: 1964-X
Conta corrente identificada: 80.001-5
CNPJ: 00.934.542/0001-31

SERVIÇO

Concerto de Gala – Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto, com regência do maestro João Carlos Martins
21 de julho (terça), às 20h

Onde? Theatro Pedro II (rua Álvares Cabral, 370 – Centro – Ribeirão Preto/SP)
Quanto? R$ 60 e R$ 120 (galeria); R$ 75 e R$ 150 (balcão simples); R$ 90 e R$ 180 (balcão nobre); e R$ 100 e R$ 200 (plateia e frisa)
Informações: (16) 3605-8932 ou na página oficial

Compartilhe:

PRÓXIMO POST »
Festival reúne gastronomia e cultura japonesa em Ribeirão
« POST ANTERIOR
60 coisas que só quem é de Ribeirão Preto vai entender

Você poderá gostar também!

 

Diversidade sexual é tema do Festival Mix Brasil

01.09.2014 - 22:07

Produções audiovisuais que abordam as diferenças. Esse é o tema do Festival Mix Brasil, que acontece até o dia 5 de setembro, no Sesc Ribeirão. Os filmes exibidos trazem diferentes abordagens sobre a sexualidade

Depois de 22 anos, chorinho na USP pode acabar

06.02.2015 - 18:18

Há quase um ano sem receber, músicos do grupo Os Roxinóis podem interromper um dos projetos culturais mais antigos da cidade

A Coisa fecha as portas, mas atividades continuam

04.05.2014 - 17:34

Por enquanto, o projeto cultural deve ocupar espaços parceiros, mas um outro local já está sendo sondado para ser a nova sede

 

VOLTAR

 

Comente aqui:

Varal Diverso © 2011–2017. Todos os direitos reservados | Termos de uso | Design: Paulo Gallo