Para o topo

Ribeirão-pretano vai expor na Bienal de Graffiti em São Paulo

Ribeirão-pretano vai expor na Bienal de Graffiti em São Paulo
, em 20/02/2015, às 18:40 (atualizado em 04/05/2015, às 17:01)

Por Francine Micheli
Fotos: Daniel Massa / Divulgação

Depois de realizar sua primeira exposição em Ribeirão Preto, o artista urbano Lelin Alves se prepara para levar a sua arte a um dos eventos mais importantes da área no Brasil. Ele exibirá seus trabalhos na 3ª Bienal Internacional Graffiti Fine Art, junto com mais 60 artistas brasileiros e de países como Estados Unidos, Chile, Japão, Inglaterra e Argentina.

Esta é a primeira vez que o artista participa de um encontro como esse e se diz feliz em ver a arte de rua ser reconhecida como legítima entre o meio cultural, deixando de lado os ares da marginalidade. Porém, a situação tem dois lados muitas vezes não percebidos. “Ganhamos muito espaço e reconhecimento, mas vejo algumas mídias e ‘conhecedores da arte’ destacando artistas como grafiteiros que não conhecem e não dão a mínima para a cultura que lutou durante décadas contra a repressão e preconceito”. Ele ainda enfatiza: “não vejo problema nenhum no reconhecimento de quem faz street art. Mas graffiti mesmo é outra coisa”.


Mural assinado por Lelin Alves em Campinas

Outro destaque da Bienal é o artista Mundano, que ficou conhecido no mundo todo pelo seu projeto Pimp My Carroça, desenvolvido em São Paulo e que transformou centenas de carroças de catadores de lixo em tela para sua arte.

A mostra acontece entre os dias 17 de abril e 17 de maio, no Pavilhão das Culturas Brasileiras do Parque do Ibirapuera, em São Paulo.

Compartilhe:

PRÓXIMO POST »
Camila Gray: tem moda na ponta do pincel
« POST ANTERIOR
As dores e as delícias da ilustração

Você poderá gostar também!

 

A rua em preto e branco

03.05.2014 - 22:41

Cabeças imensas andam aparecendo nos muros da cidade e têm atraído os olhares dos mais curiosos. O traço preto é preenchido pelo branco, quase uma afronta à batalha de cores.

As dores e as delícias da ilustração

02.01.2015 - 16:13

Batemos um papo com a ilustradora Paola Saliby e ela afirma: "As pessoas acham que o trabalho é tão divertido que nem deveria se cobrar por ele".

Os desenhos da menina com mil nomes

05.11.2014 - 11:33

Rafaella Rímoli também é Ram Rapose, Vicente, Zvaga. Com heteronônimos, vai criando uma realidade curiosa através de suas ilustrações e pulverizando toneladas de inspiração por onde passa.

 

VOLTAR

 

Comente aqui:
Agenda Cultural
Instagram
Instagram

Varal Diverso © 2011–2017. Todos os direitos reservados | Termos de uso | Design: Paulo Gallo